Login

 Cadastre-se
 
Siga a RF

 Notícias da Revista Ferroviária



« Voltar
   

Faltam projetos bem estruturados, diz diretor da Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana

27/07/2018

Não são só a recessão econômica dos últimos anos e a crise fiscal de estados e municípios que explicam o fato de muitos projetos metroferroviários não irem para frente em cidades brasileiras. Para o diretor de Planejamento e Informações da Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana (Semob), Clever Almeida, a limitada capacidade técnica, econômica e financeira de agentes em estruturar bons projetos (leia-se viáveis técnica e economicamente) contribui para que projetos não sejam aprovados e, por consequência, não recebam verba do governo e de linhas de crédito. 

A Semob, vinculada ao Ministério das Cidades, é responsável pela política de mobilidade urbana no país. Pela secretaria, estados e municípios podem recorrer a financiamentos e a desembolsos da União (não onerosos) para projetos ligados ao transporte público coletivo. Dos R$ 40 bilhões em projetos contratados desde 2008, apenas R$ 14 bilhões foram efetivamente desembolsados pelo órgão. “Muitos projetos, mesmo depois de contratados, não têm a sua licitação feita ou as obras iniciadas. A contratação dos recursos é a condição para o município licitar, mas não é a condição de que já está tudo ok, que o projeto vai receber a verba.” No que diz respeito especificamente aos projetos de transporte sobre trilhos, atualmente a Semob tem uma carteira ativa de R$ 16,6 bilhões em projetos contratados, sendo R$ 3,9 bilhões até agora pagos. 

Na edição Julho-Agosto da RF, destrinchamos esse assunto com Clever Almeida, nosso entrevistado. Não deixe de conferir!



Para comentar ou arquivar notícia faça seu login no topo da página.


« Voltar


Receba nossa newsletter


Quem somos  |  Fale Conosco  |  Links  |  Galeria de Fotos  |  Memória Ferroviária  |  Mapa do site
Sistema de gerenciamento de conteúdo
São Paulo, domingo, 21 de outubro de 2018
Todos os direitos reservados - © Revista Ferroviária