Login

 Cadastre-se
 
Siga a RF

 Notícias da Revista Ferroviária



« Voltar
   

ViaMobilidade entra para o quadro de associados da ANPTrilhos

09/10/2018 - Revista Ferroviária

A ViaMobilidade, responsável pela operação da Linha 5-Lilás e do monotrilho da Linha 17-Ouro (em construção), do Metrô de São Paulo, já faz parte do quadro de associados da ANPTrilhos. Segundo a superintendente da associação, Roberta Marchesi, a entrada da empresa agrega valor às ações desenvolvidas pela entidade em prol da mobilidade sobre trilhos no Brasil.

Marchesi assinalou ainda que o rápido interesse da ViaMobilidade na associação é motivo de orgulho. A operadora assinou contrato com o governo do estado de São Paulo em abril deste ano e assumiu a operação da Linha 5-Lilás em agosto. “A ViaMobilidade é uma empresa nova, e o fato de ela se interessar pela nossa associação mostra que o trabalho que a ANPTrilhos desenvolve é de excelência”, declarou.

Para o presidente da ViaMobilidade, Luis Valença, a entrada no quadro de associados da ANPTrilhos reforça o compromisso da empresa no desenvolvimento do transporte de passageiros sobre trilhos no país. “Esta parceria nos proporciona ainda mais força para buscar soluções que favoreçam a mobilidade urbana”.

O número de passageiros transportados pela ViaMobilidade poderá chegar a um milhão por dia quando as duas linhas estiverem com todas as estações em funcionamento. A Linha 5- Lilás, que liga o Capão Redondo à Chácara Klabin, na Zona Sul de São Paulo, tem expectativa de transportar 800 mil pessoas por dia em suas 17 estações. Já a Linha 17-Ouro, deve receber 100 mil passageiros por dia, em suas oito estações.

 

Propostas

A superintendente declarou que, desde julho, a associação vem desenvolvendo ações com os futuros governantes para conscientizá-los a respeito do tema da mobilidade urbana e da necessidade de colocar em prática propostas para melhorar a qualidade do transporte público. “A ANPTrilhos vai continuar o trabalho com os eleitos, acompanhando as propostas para que elas se tornem ações efetivas e concretas para melhorar a qualidade de vida nas cidades”, afirmou Marchesi.

Hoje, a ANPTrilhos possui 20 associados entre operadores, grande parte da indústria metroferroviária brasileira e associações do setor. “Temos ainda convênios de cooperação com várias entidades nacionais e internacionais e fazemos benchmarking com entidades nacionais e internacionais buscando o aprimoramento de experiências”, declarou a superintendente.



Para comentar ou arquivar notícia faça seu login no topo da página.


« Voltar


Receba nossa newsletter

 Notícias Relacionadas
UITP prevê mais de 200 novas linhas de metrô em todo o mundo para os próximos anos
ANTT defende prolongar projeto do trem intercidades de São Paulo até Limeira
Expansão do metrô acontece de forma lenta nas principais capitais



Quem somos  |  Fale Conosco  |  Links  |  Galeria de Fotos  |  Memória Ferroviária  |  Mapa do site
Sistema de gerenciamento de conteúdo
São Paulo, quarta-feira, 12 de dezembro de 2018
Todos os direitos reservados - © Revista Ferroviária