Login

 Cadastre-se
 
Siga a RF

 Notícias da Imprensa



« Voltar
   

Primeiro elétrico transfronteiriço francês em funcionamento

25/05/2017 - Auto Monitor

Nova ligação entre o centro da cidade de Estrasburgo, em França, e a Estação de Kehl, na Alemanha, assegurada pelo novo transporte elétrico de passageiros Citadis, é uma parceria entre o departamento de Design & Styling da Alstom e do Peugeot Design Lab.

Há uma nova ligação entre o centro da cidade de Estrasburgo, na França, e a Estação de Kehl, na Alemanha, assegurada pelo novo transporte elétrico de passageiros Citadis, uma parceria entre o departamento de Design & Styling da Alstom e os designers do Peugeot Design Lab.

O estilo do novo elétrico Citadis é o resultado da associação do departamento de Design & Styling da Alstom com os profissionais do Peugeot Design Lab, tendo a Alstom já entregue 12 novos eléctricos Citadis à CTS (Compagnie des Transports Strasbourgeois), de um total de 22 encomendas ao abrigo de um acordo-quadro assinado no final de 2014. 9.000 internautas elegeram este projeto num concurso lançado pela CTS.

A identidade da terceira versão do elétrico de passageiros Citadis em Estrasburgo reflete a qualidade visual da cidade nos seus transportes. Este novo elétrico não só irá operar com as anteriores duas versões, que foram especialmente bem-sucedidas, como também irá marcar um salto geracional”, afirmou Xavier Allard, diretor do departamento de Design & Styling da Alstom Transport.

Os estilistas da Peugeot não desenham apenas automóveis. A entrada ao serviço dos novos elétricos Citadis demonstra a experiência do nosso estúdio de Global Brand Design em matéria de transportes públicos, ” refere Cathal Loughnane, Responsável do Peugeot Design Lab.

A entrada ao serviço deste primeiro elétrico transfronteiriço francês é um momento histórico: há mais de 72 anos que Estrasburgo, em França, e Kehl, na Alemanha, não estavam ligadas por um elétrico. Os novos elétricos servem as extensões das duas linhas existentes; prolongada até Kehl, a linha D facilita a vida de cerca de 20.000 habitantes de Estrasburgo que trabalham na Alemanha, enquanto a linha A serve a cidade de Illkirsch, a sul de Estrasburgo. A inauguração reuniu políticos franceses e alemães e foi assinalada por amplas festividades.



Para comentar ou arquivar notícia faça seu login no topo da página.


« Voltar


Receba nossa newsletter
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do site Revista Ferroviária.

 Notícias Relacionadas
Governador de MT promete tirar do papel VLT da Copa que já custou R$ 1 bi
Justiça suspende licitação do VLT de Salvador pela terceira vez
Cancela pode ter falhado no acidente entre VLT e carro-forte, diz gerente do Metrofor



Quem somos  |  Fale Conosco  |  Links  |  Galeria de Fotos  |  Memória Ferroviária  |  Mapa do site
Sistema de gerenciamento de conteúdo
São Paulo, terça-feira, 19 de setembro de 2017
Todos os direitos reservados - © Revista Ferroviária