Login

 Cadastre-se
 
Siga a RF

 Notícias da Imprensa



« Voltar
   

Trem descarrila na BR-050 entre Araguari e Uberlândia; funcionário morre

09/10/2017 - G1

Um homem de 37 anos morreu na noite desta segunda-feira (9) depois que um trem descarrilou próximo à BR-050, entre Araguari e Uberlândia. Segundo o Corpo de Bombeiros, o veículo com 79 vagões transportava farelo de soja e três vagões tombaram, sendo que um deles caiu sobre o trabalhador da Ferrovia Centro-Atlântica (VLI), que foi esmagado.

A empresa responsável informou que o funcionário era o profissional que atendia a ocorrência de descarrilamento. Durante os trabalhos, ele foi atingido por um dos vagões que veio a tombar.

A composição descarrilada seguia de Araguari para Santos (SP). Não há outros feridos. Conforme informou a assessoria de imprensa da VLI, a concessionária está dando apoio à família e à equipe, assim como está mobilizando todos os recursos para a apuração do ocorrido pelas autoridades competentes, e também pela comissão interna de apuração de ocorrências.

O acidente foi registrado por volta das 18h30 na altura do km 50 da rodovia. Além de militares do 5º Batalhão de Bombeiros Militar (BBM), deram apoio aos trabalhos equipes da Polícia Militar, MGO Rodovias, Polícia Civil, além de empresas próximo ao local.

O local foi isolado e o corpo da vítima removido durante a madrugada desta terça-feira (10). Os bombeiros informaram que a carga do vagão que tombou sobre o homem tinha cerca de 67 toneladas. Só o vagão vazio pesa aproximadamente 25 mil quilos.

Foram necessárias duas escavadeiras para romper o “teto” do vagão e retirar a quantidade de soja a fim de reduzir o peso da estrutura, para depois fazer a remoção da vítima.

“Segundo verificamos com informações dos próprios funcionários da VLI, já havia descarrilado dois vagões e os funcionários estavam trabalhando no encarrilhamento desses vagões. Nesse trabalho de encarrilar, houve então o tombamento do terceiro, sendo que um destes infelizmente pressionou um dos funcionários entre o vagão e o barranco”, disse o tenente-coronel do 5º BBM, André Humia Casarim.

O comandante informou, ainda, que os trabalhos ao longo da noite e madrugada consistiam em deixar o local seguro, retirando os vagões que não tombaram para depois fazer o resgate do corpo. Os trabalhos foram retomados nesta terça para que os vagões tombados sejam removidos.

O corpo do trabalhador natural de Araguari foi levado para a Funerária Frederico Ozanam, no Bairro Bosque, e o velório acontece a partir das 10h desta terça.



Para comentar ou arquivar notícia faça seu login no topo da página.


« Voltar


Receba nossa newsletter
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do site Revista Ferroviária.

 Notícias Relacionadas
Descarrilamento afeta circulação dos trens da SuperVia
Trem Caipira retoma funcionamento para incentivar turismo na região de Rio Preto
Justiça determina instalação de câmeras de segurança nas estações de trem da Supervia



Quem somos  |  Fale Conosco  |  Links  |  Galeria de Fotos  |  Memória Ferroviária  |  Mapa do site
Sistema de gerenciamento de conteúdo
São Paulo, terça-feira, 12 de dezembro de 2017
Todos os direitos reservados - © Revista Ferroviária