Login

 Cadastre-se
 
Siga a RF

 Notícias da Imprensa



« Voltar
   

Simulador de trem é instalado na estação de Suzano para capacitar condutores

07/06/2018 - G1

Em simulador de trem foi implantado na estação de Suzano para formar, capacitar e reciclar condutores e funcionários da área operacional da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

A tecnologia é parecida com os equipamentos usados na aviação e automobilismo e foi programado para reproduzir características de diversos tipos de trens.

Com o novo equipamento, a companhia soma cinco pontos de treinamento implantados desde 2011. “É uma situação em que todas as exigências do trecho são cobradas do condutor e ele tem que atuar de forma satisfatória para que ele tenha a aprovação no treinamento”, explica o supervisor Victor Maia.

Ele explica ainda que antes desta tecnologia era necessário tirar um trem de circulação ou da manutenção para fazer este treinamento prático, e hoje eles conseguem as mesmas situações no simulador.

Em uma tela, o maquinista vê paisagens e trilhos. Por meio do simulador, é possível conduzir o trem virtual com o mesmo sistema do real, o chamado ATC.

“O ATC é o código que tem na via e que permite a liberação da velocidade para a gente. Conforme a composição da frente vai se distanciando, a velocidade vai aumentando também. Se a gente chegar perto de uma composição que está com o farol vermelho, ele vai limitar a nossa velocidade”, explica o maquinista Alessandro Duarte.

Um dos momentos que mais preocupam os maquinistas é quando o ATC apresenta falha. Essa situação pode ser reproduzida pelo simulador. O teste ajuda o profissional a manter a calma, pois ele precisa, nesta situação, manter a velocidade da composição em 50km/h até chegar em um ponto de parada e poder reiniciar o sistema.

Já entre os mais corriqueiros está a falta de energia, que afeta justamente a movimentação do trem. “Neste caso, o maquinista precisa esperar o restabelecimento da energia na subestação. Tem também o ar-condicionado, que é diretamente ligado ao passageiro. Às vezes ela falha acontece em um só vagão do trem e a gente recebe isso via rádio”, pontua.

O simulador também consegue colocar o motorista em situações adversas de clima, como a de chuva muito forte e neblina intensa. “É uma atenção a mais que a gente tem que ter, porque o nosso campo de visão fica bem limitado”, pontua Duarte.

Enquanto o supervisor ressalta que a atenção nestes casos tem de ser redobrada. “O campo de visão dele pode reduzir muito mais do que a metade”, destaca.

 

- Fonte: https://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/simulador-de-trem-e-instalado-na-estacao-de-suzano-para-capacitar-condutores.ghtml




Para comentar ou arquivar notícia faça seu login no topo da página.


« Voltar


Receba nossa newsletter
As notícias veiculadas acima, na forma de clipping, são acompanhadas dos respectivos créditos quanto ao veículo e ao autor, não sendo de responsabilidade do site Revista Ferroviária.

 Notícias Relacionadas
Passeio experimental no trem Maria Fumaça emociona passageiros no Alto Tietê
Vagões de trem voltam aos trilhos para restauro após 17 anos de abandono
Antiga ferrovia pode virar extensão do VLT ou receber trem turístico ligando o litoral de SP ao Vale



Quem somos  |  Fale Conosco  |  Links  |  Galeria de Fotos  |  Memória Ferroviária  |  Mapa do site
Sistema de gerenciamento de conteúdo
São Paulo, terça-feira, 14 de agosto de 2018
Todos os direitos reservados - © Revista Ferroviária