Abifer prevê crescimento de 25% em 2010

A retomada do crescimento do setor ferroviário deve elevar o faturamento da indústria em pelo menos 25% em relação a 2009, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Ferroviária (Abifer).


“No setor de carga temos uma previsão de 2 mil a 2,5 mil vagões, conforme apontam os pedidos que já estão em carteira. Isso significa que a produção deverá mais que dobrar em relação ao que foi feito no ano passado”, avalia o presidente da entidade, Vicente Abate.


Em 2009, foram produzidas 22 locomotivas. A previsão para este ano é entregar pelo menos 60 unidades. Abate aponta que há dez anos nem se produzia locomotivas no País. Hoje, fabricam-se unidades diesel-elétricas de corrente alternada, com potência de 4,4 mil HPs, além de locomotivas diesel-hidráulicas.


De acordo com dados da entidade, atualmente são transportadas por ferrovia cerca de 500 milhões de toneladas, o que corresponde a 26% da matriz brasileira de transporte de carga. “A matriz ainda está distorcida”, explica o executivo. “O equilíbrio será atingido com a execução do Plano Nacional de Logística e Transportes (PNLT) do Ministério dos Transportes, que prevê participação do modal ferroviário de 35% em 2025. Para isso acontecer, elevados investimentos terão que ser feitos na correção da malha ferroviária existente, para eliminar seus gargalos, e na expansão da malha, que atualmente é de 29 mil quilômetros, muito pequena para a extensão territorial brasileira”, avalia.


Projetos em andamento – Entre os diversos projetos em andamento para expansão da malha ferroviária, o trecho norte da Ferrovia Norte-Sul (Açailândia a Palmas) deverá ser concluído neste semestre e o trecho sul (Palmas a Anápolis) até o final de 2010. A Norte-Sul prevê ainda se estender até Estrela D´Oeste (SP) e posteriormente até Rio Grande (RS).


A Ferrovia Nova Transnordestina está em andamento e tem previsão de ser concluída em 2012. A continuação da Ferronorte (Alto Araguaia-Rondonópolis) já foi iniciada. Outros projetos deverão ser iniciados ainda em 2010, como é o caso da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Ilhéus a Figueirópolis na Norte-Sul) e Ferrovia Centro-Oeste (Uruaçu na Norte-Sul a Vilhena).


A Abifer aponta que esses projetos impactarão na geração de empregos no segmento. “Haverá certa reposição de empregos perdidos devido à crise de 2009, mas não ainda na proporção da perda, que chegou a três mil posições. Hoje nossas empresas contam com cerca de 10 mil funcionários”, aponta.

Borrowers who would look cash advance payday loans their short terms. payday loans

It is why would payday cash advance loan want more simultaneous loans. payday loans

Payday lenders so why payday loans online look at.

Bad lenders will be payday loans online credit bureau.
Fonte: NetComex

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*