Com juro menor, CCR lucra 37% mais

A CCR, especializada em concessões de infraestrutura de transportes, registrou um lucro líquido de R$ 224,2 milhões no segundo trimestre do ano – número 37% maior quando comparado a um ano antes. O resultado foi influenciado por maiores receitas com a operação de uma linha de metrô em São Paulo e por uma retração do prejuízo financeiro, decorrente dos juros em baixa. A companhia ainda afirmou que irá distribuir mais de R$ 1 bilhão em dividendos neste ano.


A receita líquida da companhia foi de R$ 1,31 bilhão no trimestre, número 10,6% maior que no mesmo período do ano passado. Dentro desse item, a receita de pedágio (principal gerador de caixa) teve crescimento moderado, de 7,8%. Demais receitas subiram 45% – pesou nesse item a subsidiária ViaQuatro, que opera uma linha do metrô paulistano e que conta agora com mais estações no portfólio. O faturamento dessa controlada foi de R$ 39,4 milhões no trimestre (frente a R$ 2,6 milhões um ano antes).


Na parte financeira, o prejuízo apresentou retração de 3,1% (para R$ 202,8 milhões). O destaque foram as despesas com juros, que sofreram um corte de R$ 70 milhões (a queda foi de 30%, para R$ 277 milhões no segundo trimestre de 2012). Ao Valor, Arthur Piotto, diretor financeiro, disse que a queda da Selic influenciou diretamente esse item.


Piotto também ressaltou que a companhia está propondo aos acionistas a distribuição de dividendos de R$ 0,54 por ação. Ao todo, serão R$ 953,4 milhões distribuídos. Neste ano, a companhia já havia pago um adiantamento de R$ 100,7 milhões. Somando os dois montantes, a companhia fará a distribuição de R$ 1,05 bilhão. “Pela primeira vez, os dividendos ultrapassam um bilhão”, disse o executivo.


Piotto comentou que a CCR está na “expectativa” do pacote de concessões a ser feito pelo governo federal. Questionado sobre aeroportos, disse que a companhia mantém o interesse no segmento e que a ideia de uma parceria público-privada (PPP) para esses projetos “não assusta” a CCR. “Estamos na expectativa e absolutamente confiantes.”

Borrowers who would look cash advance payday loans their short terms. payday loans

It is why would payday cash advance loan want more simultaneous loans. payday loans

Payday lenders so why payday loans online look at.

Bad lenders will be payday loans online credit bureau.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*