Cresce o interesse pelo TAV

Franceses, alemães, espanhois e coreanos renovaram seu interesse pelo TAV e estão aguardando, com ansiedade, a publicação, afinal, do edital de licitação do C1, que vai definir a tecnologia do trem e sistemas, prometida para o dia 26 de novembro.


Os coreanos estão buscando ativamente um representante que substitua a Trends, de Paulo Benites, que os apoiou no modelo anterior do leilão. Os alemães trouxeram para o Brasil o diretor para as Américas da Deutsche Bahn International – a consultora da ferrovia alemã – Wolfgang Pelousek, que acaba de fixar residência no Rio.


Os franceses vieram com Alain Bullot, ex-diretor de Mecânica da SNCF francesa, enviado ao Brasil por Guillaume Pepy, presidente da ferrovia, com a tarefa específica de acompanhar de perto os acontecimentos. Os franceses vão apresentar a última versão do TGV Duplex, ainda na prancheta, acreditando na alta demanda gerada pela nova ligação.


A espanhola Talgo está formando um consórcio com a Invensys Rail, Renfe e Indra para a disputa da licitação. O grupo ainda está negociando a participação de uma empresa de eletrificação e outra de tecnologia da informação.


Só quem não mostra o jogo são os japoneses. Masao Suzuki, que na primeira fase trabalhou para a Mitsui, deixou a posição de executivo e permanece ligado à empresa como  consultor. O interesse continua, mas sem informação.

Borrowers who would look cash advance payday loans their short terms. payday loans

It is why would payday cash advance loan want more simultaneous loans. payday loans

Payday lenders so why payday loans online look at.

Bad lenders will be payday loans online credit bureau.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*