Grupo de empresas confirma interesse na revitalização da estrutura do aeromóvel e entregará estudos em até 90 dias

Ideia para a linha do aeromóvel: estações modernas de embarque e desembarque, com cafeteria e cervejaria embaixo dos trilhos Aeromóvel Brasil / Divulgação
Ideia para a linha do aeromóvel: estações modernas de embarque e desembarque, com cafeteria e cervejaria embaixo dos trilhos Aeromóvel Brasil / Divulgação

Gaúcha ZH – Um grupo de empresas manifestou na terça-feira (30) à prefeitura de Porto Alegre interesse em revitalizar a antiga linha elevada do aeromóvel e da Praça Júlio Mesquita, localizados em frente à Usina do Gasômetro, no Centro Histórico. A partir de agora, o grupo tem 90 dias para entregar os estudos sobre as melhorias, que serão pagos pela empresa que vencer a concorrência e realizar as obras.

O conjunto de empresas é composto por AEROM Sistemas de Transportes (integrante do Grupo Coester, da qual faz parte a Aeromovel Brasil, criadora da tecnologia do aeromóvel), Plural Consultoria em Planejamento Territorial, Matricial Engenharia Consultiva, Domingues e Matos Advogados Associados. A documentação entregue pelas empresas será analisada pela Secretaria Municipal de Parcerias.

O objetivo do Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) é obter do mercado estudos de engenharia, arquitetura e impacto urbanístico para melhoramento, embelezamento, manutenção e exploração comercial e turística da praça, incluindo a revitalização e a ocupação do espaço da antiga linha do aeromóvel.

Conforme o colunista Paulo Germano, o projeto poderá sugerir a implantação de restaurantes ou equipamentos de lazer, mas a prefeitura exige que os trilhos do aeromóvel também façam parte da proposta. Nada impede também que a proposta inclua um jardim suspenso ou qualquer outra ideia que aproveite a antiga estrutura, sem necessariamente prever um meio de transporte no local.

No entanto, segundo o colunista, a Aeromovel Brasil, dona da tecnologia, pretende apresentar um projeto que inclui a reativação do veículo. A Aeromovel Brasil já havia apresentado à prefeitura, no governo Nelson Marchezan, uma ideia de construir estações modernas de embarque e desembarque, com cafeteria e cervejaria embaixo dos trilhos.

Fonte: https://gauchazh.clicrbs.com.br/porto-alegre/noticia/2021/12/grupo-de-empresas-confirma-interesse-na-revitalizacao-da-estrutura-do-aeromovel-e-entregara-estudos-em-ate-90-dias-ckwnw6jmi006k016fbxht1wsw.html

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*