A matéria de capa traz em detalhes o que está sendo discutido no processo de renovação antecipada do contrato de concessão da Ferrovia Centro-Atlântica (FCA). Na reportagem, destrinchamos os investimentos previstos no plano de negócios da operadora divulgado pela ANTT, e o que deverá passar por alterações após o período de audiência pública em fevereiro deste ano.

Sobre a FCA recaem particularidades e complexidades não comparáveis a outras ferrovias que já tiveram suas renovações autorizadas. A começar pelo tamanho de sua malha. São 7.220 km de extensão que ultrapassa a fronteira de sete estados: Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Bahia e Sergipe, além do Distrito Federal. Característica que acaba colocando a proposta de prorrogação da FCA em meio aos mais variados interesses de âmbito local.

A entrevista é com o presidente da VLI, Ernesto Pousada. O executivo falou sobre as expectativas para o novo ciclo de investimentos da empresa, que se aproxima. O aumento de volume de grãos esperado na Ferrovia Norte-Sul e os esforços da companhia na renovação do contrato da FCA são alguns dos temas da conversa.

Na seção Reportagem, falamos sobre dois projetos de bonde. O de Santa Teresa, no Rio de Janeiro, que está em vias de ser concessionado. E o bonde elétrico de Fortaleza, que chegou a ser licitado em fevereiro, mas devido ao agravamento da pandemia no Ceará, acabou suspenso por tempo indeterminado pelo governo estadual.

A parceria das ferrovias de carga com startups de tecnologia também é um dos temas da seção Reportagem. A edição traz ainda um conteúdo especial da Wabtec sobre o futuro da ferrovia – eficiência, produtividade, segurança e descarbonização são parte da jornada da empresa para o setor ferroviário nos próximos anos. O material inclui ainda uma entrevista especial com o presidente da Wabtec para América Latina, Danilo Miyasato.

Em Expressas, o apoio do Ministério da Infraestrutura aos pleitos das concessionárias de carga para o PLS 261/2018. A migração de regimes (de concessão para autorização) voltou à pauta de discussões, assim como a possibilidade de adaptação dos contratos de concessão em vigência hoje, visando à redução de obrigatoriedades dos concessionários. Ainda em Expressas, o líder de Transporte e Logística da Cargill para a América Latina, Rodrigo Koelle, fala sobre o escoamento de grãos de Mato Grosso para os portos do Arco Norte, que vem ganhando força na estratégia da trading.

Em Gente que faz diferença, o ping-pong com Raquel Vital, operadora de trens da Trensurb; Edson de Oliveira, gerente de Relações Corporativas da Rumo (Porto de Santos); e Roberson Salvador, supervisor de Engenharia de Processos da Greenbrier Maxion. Na seção Gente, a ida de João Gouveia para a Rio Ônibus.

O Estudo de Mercado traz o levantamento Todas as Locomotivas deste ano. A frota total no Brasil sofreu redução na comparação com 2020, mas há encomendas. O destaque vai para as locomotivas de manobra a bateria adquiridas pela EFVM e EFC. Em Suprimentos, as empresas de fornecimento de peças para locomotivas e vagões e oficinas terceirizadas que trabalham com manutenção preventiva.

Na seção Nota Técnica, publicamos o trabalho vencedor da categoria 1 do 7º Prêmio Tecnologia & Desenvolvimento Metroferroviários da ANPTrilhos-CBTU, de autoria de Joelson Messias de Moura, da CCR, e dos coautores Wellington Oliveira Costa e Adriana Martins dos Santos, da ViaQuatro. O título é “Benefícios de uma simulação computacional para o sistema metroferroviário”.

Em Estatísticas, os dados consolidados da movimentação de carga e de passageiros em 2020. O Artigo é de autoria de Telmo Giolito Porto, professor-doutor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e diretor de Telar Engenharia. Ele fala sobre a necessidade de profissionais capacitados para a retomada de projetos ferroviários no país.

A Foto do Mês é dos primeiros vagões da Greenbrier Maxion para a empresa de celulose Bracell. São ao todo 463 unidades do modelo FTT que serão entregues ao longo de 2021. Os vagões serão operados na malha da MRS, no trecho de Pederneiras a Santos (SP). O Arquivo Ferroviário traz uma bela foto do Trem do Vinho, na Serra Gaúcha. O Sumário abre em página dupla uma imagem aérea do terminal de São Simão (GO), à beira da Ferrovia Norte-Sul, sob operação da Rumo.

A hora da FCA

A renovação antecipada do contrato de concessão da Ferrovia Centro-Atlântica (FCA) por mais 30 anos, contados a partir de 2026, esteve […]

Editorial

2020 se encerra como um ano que vai ficar na História. O mundo viveu, com a pandemia do coronavírus, uma disruptura sem volta. E o setor ferroviário no Brasil viveu, mais do que nunca, uma dicotomiaentre passageiro […]

Leia mais »

Cartas

Até hoje não consigo entender porque não estendem a Linha 1 (ou Azul) do Metrô do Tucuruvi até Guarulhos e Cumbica. […]

Leia mais »