Projeto desenha SP ideal para daqui a 28 anos

Meia hora de casa ao trabalho. Uma área verde a 15 minutos a pé de casa. Rios e córregos 100% despoluídos. Nenhum morador em favela.


Pedágio urbano e incineração de lixo estão entre as propostas da SP 2040. Essa é a São Paulo ideal, que começou a ser planejada em dezembro de 2010 com a participação de 25 mil pessoas, sete consultores internacionais, 40 especialistas da USP e 81 técnicos da prefeitura –o projeto custou R$ 2,97 milhões.


O grupo concluiu que é possível chegar a essa nova cidade em 2040. O custo para isso: R$ 314,5 bilhões, ou quase oito vezes o Orçamento total da prefeitura.


Visto dessa forma, parece impossível. Mas os cálculos detalhados no calhamaço de 363 páginas denominado “SP 2040 – A Cidade que Queremos” mostram que já há investimentos previstos para isso.


Resta mantê-los, independentemente de quem seja o prefeito em questão.


“Não inventamos a roda. Não tem nenhuma ideia aqui que já não tenha sido pensada”, afirma Miguel Bucalem, secretário de Desenvolvimento Urbano da prefeitura e coordenador do projeto.


O maior investimento previsto é a expansão da rede de trens e metrô, que já está sendo feita pelo governo do Estado –R$ 149,8 bilhões até 2040.
A melhoria das condições de moradia vai consumir outros R$ 62,6 bilhões. As obras são gerenciadas, em sua maioria, pela prefeitura, mas boa parte dos recursos pode vir do governo federal.


Ainda estão previstos investimentos nos aeroportos que atendem a região metropolitana –com recursos do governo federal e das concessionárias– e na construção de corredores de ônibus –esses com recursos da prefeitura e também do governo federal.


LONGO PRAZO


Bucalem afirma que, se dinheiro não é o problema, o que pode inviabilizar o projeto é a falta de apoio. “A cidade precisa assumir esse plano como sendo dela”, diz.
A proposta ainda precisa ser entregue para o prefeito eleito Fernando Haddad (PT), que pode simplesmente ignorá-la.


Para Bucalem, que deixa o cargo no final do ano, a expectativa é que entidades e os especialistas que participaram das discussões pressionem Haddad para que o plano não seja esquecido.


A proposta do novo prefeito para o desenvolvimento da cidade, batizada de Arco do Futuro, já adota os mesmos princípios do SP 2040.


Mas há diferenças pontuais –Haddad não confirma se vai implantar todas as operações urbanas previstas e afirma que vai rever o projeto Nova Luz, por exemplo.


Tanto o Arco do Futuro quanto o SP 2040 foram feitos com base no Plano Diretor, aprovado em 2002 e que deveria ter uma revisão neste ano.


O SP 2040 será divulgado amanhã pelo prefeito Gilberto Kassab (PSD) em cerimônia no auditório do Ibirapuera. Haddad confirmou presença.


Leia também:


Pedágio urbano está entre as propostas da SP 2040

Borrowers who would look cash advance payday loans their short terms. payday loans

It is why would payday cash advance loan want more simultaneous loans. payday loans

Payday lenders so why payday loans online look at.

Bad lenders will be payday loans online credit bureau.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*