Dnit confirma novo contorno ferroviário no terceiro tri

Após estudos técnicos, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) confirmou a conclusão das obras do novo contorno ferroviário de Araraquara para o terceiro trimestre deste ano.


Nesta semana, o órgão recebeu o aval do Departamento de Estrada de Rodagem (DER) e da Agência Reguladora de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) para a construção de dois viadutos que passarão sobre a Rodovia Antônio Machado Sant’anna (SP-255). O projeto deve começar a ser executado nas próximas semanas.


Mas há um último impasse: as tratativas entre o Dnit e a concessionária América Latina Logística (ALL) para o início da construção civil do pátio, cujo projeto inclui galpões que abrigarão oficinas para a recuperação de locomotivas e vagões, área administrativa e estoque. O projeto arquitetônico sofreu alterações a pedido da ALL, e isso elevará o custo e o prazo de entrega da obra.


No traçado, as obras estão concentradas em terraplenagem, obras de arte correntes, drenagem profunda, drenagem superficial, obras de artes especiais, lançamento de lastro e preparação de dormentes para lançamento. No Pátio de Tutoia, foi concluída a supressão vegetal e executam-se terraplanagem e drenagem superficial para, em seguida, implantar dormentes e trilhos.


Em trecho próximo ao aterro sanitário, funcionários da Prefeitura atuam na canalização de um afloramento descoberto durante os trabalhos de terraplenagem. Segundo o órgão, serão implantados 600 metros de galerias com previsão de conclusão nas próximas semanas.


Atrasos


A conclusão do novo contorno ferroviário passou por seis adiamentos. O prazo inicial era abril de 2010, no entanto, uma série de incidentes ambientais e burocráticos fez o Dnit rever os prazos – os principais, segundo o órgão, foram as chuvas em excesso entre 2009 e 2010 e a identificação de lençóis freáticos durante a terraplenagem.


Investimento no pátio de manobras chega a R$ 73 milhões


Os investimentos no novo contorno ferroviário já somam R$ 73 milhões. Os canteiros de obras coordenados pela Cetenco Engenharia, empresa vencedora do processo licitatório, reúnem cerca de 130 operários.


O novo contorno terá o maior pátio de manobras da América do Sul. Implantado em uma área de 27 hectares (equivalente a 27 campos de futebol), o dispositivo contará com 27 quilômetros de ferrovias perfazendo um total de 42 quilômetros.


O impacto de toda essa estrutura está no desenvolvimento regional, segundo a assessoria de imprensa da Casa Civil, pois fortalecerá a cidade como importante ponto de logística de transporte. O Pátio de Tutoia abrigará 17 mil metros quadrados de edificações, dos quais mais de 15 mil serão ocupados por uma oficina de manutenção de locomotivas. Isso o coloca entre os maiores do Brasil no setor, junto com Divinópolis e Curitiba e, futuramente, o de Barra Mansa, onde será construído um projeto similar ao de Araraquara.


Atualmente, os maiores pátios de manobras do mundo, quando se mensuram as vias, estão localizados em Bailey Yard, em Nebrasca, nos Estados Unidos, que tem 114 vias, e o da Cidade do México, que tem 48 linhas.

Borrowers who would look cash advance payday loans their short terms. payday loans

It is why would payday cash advance loan want more simultaneous loans. payday loans

Payday lenders so why payday loans online look at.

Bad lenders will be payday loans online credit bureau.
Fonte: Interlog

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*